quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

O Meu Tempo.


Chega ao fim o meu tempo.
Fiz o que pude ao viver.
Quisera ter feito mais,
Foi muito mais meu querer!..


Tentando ir além do que fiz
Esbarrei no meu destino,
Que freou minhas tentações
Na virtude e no desatino!...


Tentei amores e amar.
Amar com muitos amores.
Nos desencantos do amor,
Fiquei somente com as dores!...


Delmar Fontoura.


Um comentário:

  1. Márcia Barcellos da Cunha5 de janeiro de 2012 15:40

    Dando o melhor de nós,o fim será menos pior....Mais um bonito poema. Abraço. Márcia

    ResponderExcluir